‘Tal mãe, tal filha’ vestidos combinados de moda festa

carteira-livily

Em um dado momento da infância acontece aquela identificação mágica entre mãe e filha que a menina por volta dos 3 a 9 anos começa a se espelhar na sua progenitora.

Nada mais natural, já que, ao longo do seu crescimento, os pequenos vão absorvendo as atitudes dos pais. A moda “Tal Mãe, Tal Filha” by Arthur Caliman criamos algo bastante interessante: ambas usam acessórios, looks e vestidos de festa iguais.

Tal mãe tal filha de sucesso

Lá fora, uma das famosas a aderir a essa tendência foi a atriz Angelina Jolie. Em 2007 ela e sua filha Zahara surgiram lindas desfilando em um parque de Nova York com uma bolsa branca de mesmo modelo, assinada por Valentino. O acessório da filha era menor, mas idêntico ao da mãe.

Foi SUCESSO TOTAL! Não demorou para que outras famosas seguissem a tendência nos Estados Unidos e também no Brasil: a mania logo chegou ao vestido de festa e muitas mamães têm aproveitado ocasiões especiais, como convidadas, madrinhas de casamentos ou bailes de formatura para #RoubarACena, afinal nenhum look na festa será mais especial do que o dessa dupla dinâmica que é você e sua filha.

Já imaginou realizar esse mimo e montar para sua pequena um look idêntico ao seu? Para te ajudar nessa tarefa, preparei este post com dicas de combinações que vão te inspirar e te ajudar a escolher um vestido Arthur Caliman Moda Festa para roubar a cena em ocasiões especiais.

Tal mãe tal filha AC

Vestidos de festa Tal mãe tal filha perfeitamente coordenados para mãe e filha arrasarem nas melhores festa

Como usar a moda festa Tal Mãe Tal Filha?

Existem diversas formas de você e sua pequena experimentarem essa tendência da moda e se divertirem desfilando e arrasando nas festas por aí. Pode ser colocada em prática por mães e filhas de todas as idades, mas geralmente são mais usadas quando as meninas têm entre 3 a 9 anos.

Use em diferentes ocasiões: essa moda fica mais especial quando vocês estão em um casamento, em um baile de gala, baile de formatura, uma premiação especial, o jantar do baile do comandante em um cruzeiro marítimo ou como madrinha de casamento.

O modelo de vestido não precisa ser idêntico, dá para usar o mesmo tecido com as mesmas cores, modelagens ou estampas, e o melhor dessa brincadeira junto com sua pequenina, é que seus laços afetivos, cumplicidade e interação aumentarão e se fortalecerão. Incrível, não é mesmo?

Dá para combinar looks na festa?

Não há nada que impeça você de experimentar combinações com sua filhota, mesmo que os vestidos não sejam idênticos ou que você não encontre o mesmo decote nas versões adulta e infantil, até porque o objetivo não é transformar uma criança numa mini adulta, e sim criar um novo elo entre vocês.

Na hora de escolher os vestidos, a única regra é pensar no conforto da criança, que precisa se sentir à vontade e com os movimentos livres. Afinal, sua filha não vai deixar de ser criança e com certeza não vai resistir a um convite para brincadeiras. Ah! Não vai mesmo!

Ao comprar vestidos Moda Festa em São Paulo experimente a Tal Mãe Tal Filha da Arthur Caliman, ela foi feita para vocês arrasarem e se divertirem!

Ainda está com dúvidas? Fale agora com uma de nossas especialistas para auxiliar de acordo com a ocasião, o biotipo, neuras e cor que deseja!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Vestido para mãe da noiva: qual a cor ideal? Vestido de noiva: comprado, alugado ou sob medida? Vestido para mães dos noivos: um para cada estação Vestido para a mãe da noiva: como deve ser? 10 vestidos de noiva para mini wedding